2017 tem que ser melhor, depende de nós

2016 foi ruim para muitos cartunistas por conta da redução do mercado editorial para o humor gráfico. Muitos chargistas e ilustradores demitidos dos jornais e revistas em uma ação que consideramos um erro grave já que o artista gráfico é justamente quem dá o diferencial para cada publicação impressa que sai com noticias que já foram exaustivamente divulgadas pela internet, rádio e TV. Na área de quadrinhos ainda mantemos bons eventos e lançamentos que sustentam um mercado que cresceu apesar da crise dos últimos anos. Continuar lendo 2017 tem que ser melhor, depende de nós